close

Carreira

O que faz um empreendedor? Saiba o que é ser um e como ter sucesso

outubro de 2018


timer
Tempo aproximado
de leitura:
6 min



Empreendedor é aquela pessoa que tem boas ideias e sente vontade de aplicá-las no mundo real.

O que é ser empreendedor?

O início de um negócio nunca é fácil, pois são grandes os investimentos e o lucro nem sempre é percebido de imediato. Continuar ou desistir é o que faz do proprietário um empreendedor ou não.

Empreendedor é aquela pessoa que tem boas ideias e sente vontade de aplicá-las no mundo real. Empreender significa executar planos e projetos de forma inteligente, persistente e constante, até que os resultados desejados sejam obtidos.

Considerando a concorrência cada vez mais avassaladora, nem todos os negócios pensados e executados serão capazes de gerar lucro e fazer sucesso, mas, ainda assim, é preciso tentar e, claro, acreditar que o sucesso é possível.

Veja a seguir quais são as funções principais de quem deseja ser um empreendedor.

O que um empreendedor faz?

Todo negócio começa com ideias sendo colocadas no papel e não seria diferente para aquele que deseja ser um empreendedor de sucesso.

A primeira etapa a ser realizada é a definição de qual será o ramo em que o seu negócio irá atuar e qual será o seu diferencial, quando comparado àquelas empresas que já se encontram no mesmo mercado. Assim, o que faz um empreendedor, nesse momento inicial, é estabelecer um plano de negócio, com metas a serem alcançadas em curto e médio prazo.

O início costuma ser complicado, então, quando as ideias saem do papel e passam a ser aplicadas, é necessário o cuidado com o setor financeiro da sua empresa. Ele deve estar preparado para aqueles meses em que há poucos clientes – e que, portanto, o lucro é quase inexistente.

Daí a importância de trabalhar com uma reserva, além do investimento inicial, pois será ela a responsável pelo pagamento de gastos essenciais, como energia, internet, funcionários, etc.

O que faz um empreendedor se destacar nesse momento é o investimento em marketing. O seu produto ou serviço pode ser ótimo, mas para que o seu negócio cresça é preciso que as pessoas o conheçam. Desse modo, o marketing e constante estudo do que deseja o seu público-alvo farão toda diferença!

Outra habilidade importante para ser empreendedor é o conhecimento acerca da liderança de pessoas. Estudos demonstram que funcionários satisfeitos produzem muito mais do que aqueles que não se encontram felizes com o trabalho e terminam fazendo suas tarefas de má vontade.

Para o crescimento do seu negócio, é essencial a colaboração por parte de uma equipe engajada e treinada, que deseja o sucesso tanto quanto você.

E você sabia que existem diversos tipos de empreendedor? Um negócio pode ser iniciado com maior ou menor investimento, de forma individual ou em grupo, a partir de uma ideia sua ou de outra já preexistente. Veja agora os tipos de empreendedores mais comuns nos dias de hoje:

Tipos de empreendedor

A partir de alguns fatores, como condições financeiras, propósitos do negócio e setor de atuação, é possível classificar os empreendedores. Confira a seguir algumas das possibilidades de atuação da sua empresa.

Empreendedor individual

Empreendedor individual ou MEI (Microempreendedor individual) é aquele que possuía um pequeno negócio e percebeu a necessidade de se regularizar, de acordo com as leis jurídico-tributárias do país.

Alguns benefícios disponibilizados para aqueles que são empreendedores individuais são: isenção de tributos (como PIS, IR e COFINS), além do cadastro simplificado.

De acordo com a categoria tributária da qual faz parte (Simples Nacional), o seu faturamento anual poderá chegar até 60 mil reais e está autorizado a ter em sua empresa apenas um funcionário.

Empreendedores franqueados

Nem todo empreendedor tem o sonho de criar um negócio e passar por todas as suas fases de adaptação para, só então, alcançar o lucro e sucesso. E é assim que muitos têm o sonho de se tornar franquias de empresas já estabelecidas e consolidadas perante o seu público-alvo.

Ser um empreendedor franqueado é uma boa forma de evitar os riscos de um mercado instável e que vem passando por uma crise financeira.

Desse modo, você receberá o suporte de treinamento de funcionários, controle do padrão de qualidade, bem como jogadas de marketing de uma empresa que já passou e superou seus primeiros anos difíceis.

Como exemplo, imagine um empresário do ramo alimentício que deseja ter um negócio com a venda de cafés. Ele poderá criar a própria marca ou se tornar um franqueado das grandes cafeterias, como a Starbucks, Café do Ponto, Rei do Mate, Fran’s Café, etc.

Como nem tudo são flores, o investimento inicial para esses empreendedores costuma ser um pouco mais elevado do que para os demais, e nem sempre adquirir uma franquia de nome reconhecido será um processo fácil.  

Empreendedor social

Quando se pensa no ato de empreendedorismo, a palavra que geralmente o acompanha é lucro. Ocorre que em casos como o do empreendedor social o lucro não será o principal objetivo do negócio.

O empreendedor social deseja mudar o cenário a sua volta, melhorando a vida da sociedade, como um todo, por meio da criação de ONGs, projetos e movimentos sociais, sendo o lucro apenas uma consequência da sua atuação.

Empreendedor digital

O empreendedor digital é a figura que vem conquistando o mercado moderno. Pensando nisso, são criados diversos cursos para ensinar aqueles que desejam ser donos do próprio negócio, mas que não sabem como dar o ponto de partida.  

Lojas on-line e que oferecem seus produtos e serviços por meio de mídias sociais, como Instagram e Facebook, vêm obtendo grande destaque atualmente, ante o pequeno investimento inicial e a menor sujeição aos riscos de quebra.

Além disso, o Instagram vem se tornando um poderoso veículo de marketing, em que seus consumidores recebem as novidades e promoções de uma infinidade de produtos diariamente. Isso pode facilitar ou não o sucesso de empreendimentos que estão começando e que, desde cedo, precisam lutar com a concorrência.   

Muitas marcas, sabendo que as mídias digitais colaboram para as suas vendas e consequentes crescimento e popularidade, terminam agindo em conjunto com os chamados influenciadores digitais, pessoas que recebem, testam e divulgam produtos (fazendo disso, inclusive, uma forma de sustento).

Não somente o Instagram, mas as próprias lojas físicas disponibilizam em seus aplicativos ofertas e condições facilitadas, incentivando o consumo virtual e preparando o mercado para essa nova vertente do empreendedorismo.

Pessoas que nunca tiveram negócios e que estão começando a se arriscar pelo empreendedorismo digital devem atuar com cautela, respeitando as normas tributárias do país

Empreendedores cooperados

Como diz o ditado popular, “a união faz a força”. E é assim que os empreendedores cooperados veem e pensam o seu negócio.

Nessa forma de empreendedorismo, verifica-se a união de cooperativas que atuam em conjunto como forma de suprir pontos fracos e compartilhar pontos fortes.

Ou seja, o objetivo dos empreendedores cooperados é o crescimento e desenvolvimento em grupo.

Como fazer para ser bem sucedido?

É da natureza humana a busca pelo sucesso perante os demais. E mais importante ainda que o sucesso, propriamente dito, é o reconhecimento pela qualidade do serviço prestado ou do produto oferecido à sociedade.

Nesse contexto, uma importante dica para alcançar o sucesso é a persistência. A maioria dos grandes empreendedores não obteve aceitação ou aprovação da sua ideia no início e, se eles mesmos não acreditassem no que estavam criando, mais ninguém teria acreditado.

O famoso criador do Mickey, Walt Disney, fracassou por diversas vezes antes de se tornar o sucesso que é hoje em dia.

Negócios inovadores

Cada vez se torna mais comum o surgimento de startups, empresas que agregam ao mercado ideias inovadoras e que, se no começo podem ser tidas como arriscadas, após alguns anos se tornam grandes sucessos. Quem atua no ramo explica que a expansão para o mercado norte-americano é uma forma de se obter sucesso e crescer mais rapidamente.

Contudo, outra dica importante para o empreendedor é sentir o seu negócio e ser sensível às suas limitações iniciais. Esse foi o caso da startup brasileira 99 Taxis, que, não tendo condições e suporte financeiro para sair do território brasileiro, fez seu investimento primeiramente no estado de São Paulo, conquistando seus usuários e fidelizando os seus clientes.

Embora sejam muitos desafios enfrentados, ser empreendedor também garante muitas vantagens. Você será dono do seu próprio negócio, poderá aplicar as mudanças que entender necessárias, será o responsável pelo seu horário e terá novos desafios a cada passo da sua jornada.

Chegamos ao final deste artigo e agora você já sabe o que faz o empreendedor alcançar seus sonhos e sucesso na esfera profissional. Ficou com alguma dúvida? Não perca tempo e entre em contato conosco!



Leia mais

Carreira
timer 4 min

Entenda os tipos de fintechs existentes e suas finalidades

outubro de 2018
Carreira
timer 6 min

Empreendedorismo feminino: entenda sua importância e como começar

novembro de 2018
Carreira
timer 8 min

Segurança de dados: 4 dicas fundamentais para o seu negócio

outubro de 2018